Nenhum comentário

Projeto em BH realiza acolhimento especial em ala de oncologia pediátrica de hospital

Uma alimentação adequada e saudável pode te ajudar a superar os maiores desafios da sua vida. É com este pensamento e esta motivação, que o “Projeto Acolhimento”, da Santa Casa BH, oferece atividades variadas sobre Nutrição para as mães e as crianças da oncologia do hospital.

A nutricionista Vanessa Ferreira faz parte dessa iniciativa. Com 14 anos de carreira, já ocupou diferentes cargos no hospital e, atualmente, é Gerente do Serviço de Nutrição e Dietética do Grupo Santa Casa BH. Ela é a Responsável Técnica no trabalho que atende mais de 1000 leitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A nutricionista Vanessa Ferreira é RT do Grupo Santa Casa BH e atua no Projeto Acolhimento

Acolhimento

O projeto Acolhimento começou a ser executado no final de 2018, numa conexão entre a pediatria e o setor de Nutrição. As mães das crianças em tratamento queriam saber mais sobre os processos e condições em que eram preparadas as refeições servidas para os pacientes. Esses questionamentos resultaram na ideia de realizar um acolhimento diferenciado para as mães com filhos em tratamento..

Esse processo envolve a conversa constante com as mães e os pacientes, que vão desde a aceitação do cardápio, se há alguma sugestão de preparo, até procedimentos já presentes no trabalho. Mas faltava ainda um tempero especial: um vínculo forte. A partir daí, foi elaborado um cardápio diferenciado para a ala de oncologia pediátrica, com base nas percepções dos familiares passadas para a equipe de Nutrição. A criatividade foi muito além do prato. Até o carrinho que leva as comidas  para os leitos foi plotado de forma diferente e mais lúdica!

Além disso, datas especiais também são lembradas pelo projeto. Os aniversariantes do dia, por exemplo, recebem uma sobremesa especial, acompanhada por balões e o canto de parabéns. Datas comemorativas também são lembradas, com eventos especiais, como o Dia dos Pais, Dia das Mães, Halloween, com a preparação de pratos específicos para o dia e decoração animada e divertida.

A nutricionista Vanessa conta que as mães, os pacientes e até a equipe do hospital se sentem especiais com a ação: “A recepção tem sido excelente! Algumas pessoas choram, se emocionam com as ações do Setor de Nutrição e Dietética. Temos um feedback muito positivo. E o sentimento da equipe também! Os funcionários ficam extremamente motivados e se identificam com a causa. Algumas copeiras se arruma e compram fantasias, porque sabem que é um momento especial.”

Nas datas comemorativas há o preparo de adereços e pratos típicos da data

Receita que dá certo: prato e coração cheios

Para Vanessa Ferreira, o sucesso do projeto é mais uma prova de que a Nutrição é sim, significado de muito cuidado e amor: “Muitos pensam e têm um estereótipo, que por ser um hospital do SUS, a comida poderá ser ruim ou o tratamento ineficaz. No entanto, a gente trabalha todos os dias e serve uma comida gostosa, bem temperada, saudável, além de realizar ações como o projeto Acolhimento. Temos alcançado ótimos resultados e uma recepção amorosa por parte dos pacientes”.

Toda a equipe de Nutrição e Dietética se sentem realizados com as ações do Projeto

Para 2020, a nutricionista possui planos ambiciosos para o projeto: expandi-lo para outras alas do hospital. Para ela, este tipo de atividade motiva ainda mais o cumprimento das atribuições já desempenhadas pelo setor de Nutrição e Dietética: “Mesmo com quase 15 anos no hospital, continuo uma profissional muito motivada e disposta a seguir com os vários projetos que temos a oportunidade de trabalhar. Fazer o Acolhimento, esse tipo de ação, nos move a sempre buscar um trabalho que traga mais felicidade, humanização e amor ao próximo. E, com certeza, vamos aumentar ainda mais nosso impacto junto aos pacientes e aos familiares!”.